Publicado por Allan Kardec, em .
Hackear o SNES Mini não é exatamente difícil, já que ele tem praticamente o mesmo sistema do seu antecessor. Assim sendo, as ferramentas usadas anteriormente facilitaram muito para prosseguir com o trabalho no novo console.

Em menos de 24 horas após seu lançamento, Star Fox 2 já tinha sido retirado dele e liberado na internet; depois de uma semana, já existem vídeos na internet te ensinando como trapacear o sistema para adicionar suas próprias ROMs, já que não há um meio oficial de adicionar novos jogos ao SNES Mini.

Se você for experiente, existe uma versão da ferramenta usada para o NES MiniHackchi2 – disponível para ser usada. Contudo, é uma versão não oficial, que requer certo grau de entendimento e cuidado para não brickar o console.

Se você não sentir segurança o suficiente para fazer isso, não se preocupe. O desenvolvedor do Hackchi2 já anunciou que há uma versão dele para o SNES Mini quase pronta para o teste beta, que deve ser muito mais segura do que a que está atualmente correndo a internet.
Allan Kardec
Allan Kardec
Analista de Sistema e Programador, Game Developer, entusiasta de games indies, artes e animes.
Criei o site como hobby para postar conteúdos interessantes e aleatórios que vejo por ai.
Administardor do Site, 34 anos, Brasília / DF