Notícias

Desenvolvedora de Firewatch manterá liberdade criativa dentro da Valve

Como sugerido pela Valve logo que a aquisição do estúdio foi confirmada, o time da desenvolvedora Campo Santo manterá sua "liberdade criativa" dentro da nova casa, apesar de terem se tornado oficialmente funcionários da empresa.

Em entrevista ao Rock, Paper, Shotgun, Sean Vanaman, cofundador da Campo Santo, indicou que não haverá interferência da Valve na criação de In the Valley of Gods, novo jogo do estúdio.

Uma das provas disso é que o time continuará desenvolvendo o título no engine Unity, ao invés de adotar o motor proprietário da Valve, o Source.

Ainda segundo Vanaman, a aquisição da Campo Santo pela Valve faria parte da estratégia da empresa de trazer pessoas "super talentosas" para o time, o que, por sua vez, garante a qualidade das produções da companhia de Gabe Newell.


"Se você colocar pessoas super talentosas em um lugar por tempo suficiente e tratá-las bem, elas vão fazer coisas muito legais e essa coisas geralmente serão melhores do que as coisas que seus concorrentes estão fazendo", explicou.


In The Valley of Gods é previsto para o PlayStation 4 e PC em 2019.
Fonte: Theenemy.
Postado a .
Por Mark.
Tags: